16 junho, 2014

Apenas um até logo


Olhando pra trás eu percebi, o quanto amadureci depois de tanto sofrimento. O quanto me tornei mais forte. O quanto aprendi a me amar mais, antes de amar qualquer outra pessoa. Claro que isso não significa que doa menos, ou que eu não me machuque mais, só que não vale sacrificar a nossa paz, por outra pessoa. Porque no final, tudo acaba.
Logo eu que sempre fui péssima em despedidas. Que não queria ninguém por perto, pra não ter que sentir  isso de novo. Estou aqui, com um aperto tão grande que parece que vai me sufocar . Queria ser daquelas que aprenderam a ser frias, que não conseguem se permitir. Mais eu não sou. Não sou assim. Sou intensidade, vibração, sentimento e uma grande carga de drama, não te culpo por ir embora e não te peço pra ficar.
Se tem algo que eu aprendi, é que amor e atenção não se implora. Perto de mim só quem queira estar. Eu quero sentir, eu quero chorar de alegria, eu quero ser o motivo do sorriso de alguém. Ser suficiente. Mas essa ainda não é minha hora. Cheguei no meu limite, então vamos parar por aqui antes que tudo piore.
Eu ainda sinto o seu cheiro. Eu ainda quero dormir e acordar do seu lado. Eu ainda acho o seu sorriso o mais bonito de todos. Mas tudo se perdeu. Aquele encantamento todo se foi. No momento em que um de nós não sabia o que queria. No momento em que as atitudes e a falta delas afetava o outro. E esse alguém era eu. Sempre sou eu. Quem sai magoada, juntando os restos no chão e tentando levantar.
 No fundo eu sabia como as coisas terminariam. Eu sabia que era roubada tentar consertar uma pessoa quebrada, afinal, você pode se cortar em seus cacos. Eu não posso me permitir ser a segunda opção de novo. Não posso nem pensar em me torturar cada dia e cada noite quando você não estiver aqui. E te ver se afastando aos poucos, sem saber o que fazer pra você ficar.
Por isso estou te deixando livre pra ir embora. Vire as costas, não olhe pra trás, porque eu iria correndo em seu encontro. Apenas siga em frente. Abrace o mundo como você sonha. Vá na sua busca pela independência. Eu não consigo mas ficar aqui estendendo a mão, sabendo que você prefere seguir carreira solo.
Quanto a mim, não se preocupe. Nenhuma dor é eterna. Eu só te peço que quando ouvir a nossa música. Quando assistir aquele filme que a gente gostava de ver juntos. Quando for aos lugares que fizeram essa história, que mesmo pequena, marcar tanto. Lembre-se que eu lutei até não poder mais, que eu insisti, o quanto eu valorizava nossa felicidade momentânea. Mas que a escolha foi sua e se sentir vontade de voltar, eu não garanto mais que estarei aqui. Não é um adeus, apenas um até logo. Só deixe um resto no frasco do perfume, pra que ainda reste um pouco de mim no seu quarto.

Ariane Rocha

08 junho, 2014

Eu tentei..


Eu tenho tentado ser forte. Eu tenho tentado não ter tanto medo. Não ter tanto ciúme. Tanta insegurança. Eu juro que tentei não gostar. Tentei não te querer aqui a toda hora. Tentei permanecer racional. Tentei não precisar tanto de você... Mas ta tudo tão difícil, que eu já não sei mais esconder.

Não vou suportar te perder. Não vou suportar ter que dizer adeus. Não vou suportar outra decepção. Eu estava tentando pegar os restos do meu coração partido. Tentando amenizar aquela dor. Foi quando você apareceu. Ela desapareceu. E eu sei que não posso suportar a ideia de te deixar partir.

Ando tão cansada de tudo, tão apavorada, que acabo te afastando. Não sei mais a hora certa de demonstrar. E sei, que quando resolver dizer, pode ser tarde demais. Você se tornou tão importante. Tão presente, que a sua ausência me amedronta.

Perdoa eu ser tão estranha. Ser tão chata. A mania que eu tenho de me afastar, quando as coisas começam a ficar boas. Meu coração se nega a acreditar que pode dar certo.  Porque, se ele acreditar. Se eu acreditar. A dor de um adeus se triplica. E eu ainda não me recuperei das cicatrizes passadas.

Preciso de segurança agora. De um sinal de que vale a pena continuar. Preciso de alguém pra abraçar quando as coisas ficarem difíceis. Então me diz agora o que sente. Me fala antes que seja tarde. É que meu coração não aguenta mais joguinhos. Não aguenta mais tanta incerteza.

Será que você não percebe, como tudo fica mais bonito quando estamos juntos? Como sou imortal quando te beijo? Aquela sensação de segurança. Paz interior. A certeza de estar, onde devia estar. Um lar, pro coração se aconchegar.

É como se o seu sorriso colorisse o meu mundo tão sem cor. Nesse seu jeito, mal jeito, falta de jeito, que eu me apeguei. Meio sem querer, ou querendo, eu te quis aqui. Então me beije devagar. Me abrace como se o mundo fosse acabar. E me olhe como se eu fosse a única. Porque, um dia, tudo isso pode se perder. Até lá, só pra você saber. Já sou sua.


Ariane Rocha.

24 maio, 2014

5 maquiagens da Bruna Tavares pra arrasar na Black Party

Uma das festas mais esperadas chegou, a Black Party acontecerá, hoje (24/05/2013), em Adamantina-SP, no Bar do Diogo. e claro que pra arrasar, não basta só um bom look, mas também uma make baphônica. Para dar uma ajudinha pra vocês, eu selecionei 5 maquiagens de uma blogueira que eu simplesmente amo, a Bruna Tavares (Pausa para Feminices). Ela tem sua própria linha de maquiagem, dona de um dos blogs mais queridos, e tem uma forma de tutorial bem fácil de entender, ou seja, não precisa ser uma expert pra conseguir fazer. Confiram:


O primeiro não poderia ser outro, quem não ama um bom olho preto marcante?Esse tutorial foi inspirado na Claudinha Leitte, como tem bastante brilho, um canto bem marcado e glitter, ele será uma ótima aposta, pra quem gosta de chegar, chegando. Aconselho a usarem um batom mais neutro, já que o olho já chama atenção em si:





Uma das personagens mais queridas e estilosas da telona, é a Megan Lily (Isabelle Drummont), e sua característica forte, é a maquiagem com delineador bem marcado. Parece uma maquiagem simples, mais um bom delineador, combinado de batom vermelho, ou qualquer cor mais forte, é sempre uma boa opçãoPara as meninas de pele mais clara, não terá erro:





Nosso terceiro lugar, fica com a maquiagem tão comentada da Bruna Marquezine com o batom Flat Out Fabulous, que pode muito bem ser substituído, por outro pink (exemplo da Natura Faces). É uma maquiagem bem romântica, pras meninas que preferem algo mais delicado. Nesta make, o destaque é o batom marcante, se quiserem mudar a cor fiquem a vontade:

 





Claro que não poderia faltar uma para as meninas de pele negra, ou bronzeada, essa aposta de dourado com azul, é perfeita. Brilho e cor, é diferente e não menos glamuroso, sem contar que uma boa maquiagem dourada, fica bem com tudo. Caso vocês não gostem do azul marinho, na parte de baixo, podem deixar só no preto, vai continuar linda:

 




Pra fechar com chave de ouro, esse esfumadinho com roxo, que eu achei simplesmente um luxo. Ele é inspirado na maquiagem da Rainha Elsa (Frozen), e eu achei uma aposta diferente, afinal, se o look será todo preto, porque não uma cor, para fugir do óbvio?

 



A festa começa hoje, ás 22:00hras, e claro que todas estarão prontas pra arrasar. Vou escolher os melhores looks e fazer um post especial aqui no blog. Então, arrasem.
P.S> a escolha dos batons nesses tutoriais, é bem opcional.

Beijos, Ariane

17 maio, 2014

Sem medos, sem dor, sem rancor, só amor


Era duas, ou três da manhã.  Estávamos sozinhos. Mais uma noite, só nossa. Um sorriso grande preenchia minha alma, só de estar ali ao lado dele. Eu não sabia explicar, o quão bom era permanecer em seus braços.  De repente, um silêncio invadiu o lugar. Ele me olhou e sorriu, e eu não tinha dúvidas que era com ele que queria passar os próximos anos.

Então ele se abriu, mostrou seu interior, seus sentimentos, e isso só me fez o querer mais. Mesmo cheio de inseguranças, medos bobos me fazia ter coragens absurdas, vontade de fugir pra bem longe, ao lado dele, cometeria loucuras. Parece bobagem, a essa altura do campeonato eu ainda acreditar no amor, não em finais felizes, mas sim recomeços. 

Ele me pede pra não fazer planos, e eu tento não fazer. É tão cedo, mais eu não consigo evitar. Me diz pra não me apaixonar.  To tentando não gostar, não sentir, não me apegar, mas mesmo sem querer, eu te quero. Somos atraídos como imãs, por mais que tentamos se afastar, algo nos reaproxima.

Aquela voz suave, ofegante ao meu ouvido, soa como música. Um beijo transbordando sentimentos. Um abraço aconchegante. E o silêncio voltou, dessa vez ficou. As lágrimas caíram voluntariamente dos meus olhos, parecia mentira. Tudo o que eu queria, tudo o que eu havia pedido, em uma só pessoa.

Só ele, eu e o sentimento que nos une. Mesmo sem sabermos o que é, ou como ia ser daqui pra frente. 
Talvez soubesse o que era, só tinha medo de admitir. Nada disso importava. Não naquele momento, a gente só se desejava, e aquilo era maior do que nossos medos. Tanto que me faz pensar em coisas clichês, que já não me permitia mais. Por ele vale a pena acreditar. Vale a pena arriscar. Vale a pena lutar. Vai ser diferente. Um mundo só nosso. Sem medos, sem dor, sem rancor, só amor. 

Ariane Rocha

13 maio, 2014

Hot or Not: Comprimento Midi


Sabe aquelas tendências polêmicas, que divide opiniões? Pois então, entrando para esta listinha, está a saia de comprimento midi. São as de comprimento abaixo do joelho, que pode variar, de até a panturrilha, quanto até o tornozelo (longuette).

Perfeita para quem curte um visual anos 50, lady like, elas dão um ar sofisticado, elegante e bem feminino. Eu acho simplesmente incrível, mas não combina com meu estilo, por ter essa inspiração mais retrô, com um comprimento maior, elas remetem um visual mais formal e senhoril, então cuidado na hora de combinar!!

No modelo rodado, quanto nas mais justinhas, elas são bem fáceis de combinar: camisas, camisetas, croppeds e até moletons, compõe os looks de algumas inspirações, confiram:


Bem diferentes, e apesar de parecer uma peça bem simples, é preciso ter estilo e personalidade para "ousar".
Mais e vocês, curtiram?
Beijo, Ariane